HISTEROSCOPIA DIAGNÓSTICA

A histeroscopia diagnóstica, como o próprio nome diz, serve como ferramenta de diagnóstico para doenças da cavidade uterina (dentro do útero). É realizada em ambiente ambulatorial, não necessitando de anestesia. 

É indicada em casos de infertilidade, sangramento uterino anormal, miomas, alterações endometriais vistas ao exame de ultrassonografia. Pacientes com histórico de cirurgias anteriores no útero podem apresentar cicatrizes no endométrio, conhecidas como sinéquias, e o diagnóstico é realizado pela histeroscopia diagnóstica. Tem duração média de 20 minutos e a paciente consegue fazer as suas atividades habituais logo após o procedimento.



O exame consiste na colocação de uma câmera pela vagina e a visualização direta do interior do útero para o seu diagnóstico e possível biópsia da lesão.

Uma vez feito o diagnóstico, indica-se a histeroscopia cirúrgica que é realizada em ambiente hospitalar com anestesia.